Estrutura Ampla
Equipe Multidisplinar
Assistência Ambulatorial

Equipe Qualificada

Atendimento diferenciado e equipe altamente qualificada na Área da Psiquiatria Clínica, Psiquiatria Infantil, Neurologia, Psicoterapia e Nutrição Funcional.

Ambiente Acolhedor

Contamos com ambientes agradáveis, harmoniosos e confortáveis foram especialmente projetados para criar uma atmosfera aconchegante a acolhedora.

Pontualidade

Nossa estrutura física e presença de equipe multidisciplinar possibilitam um tratamento completo, com total comodidade aos pacientes, primando pela qualidade e pontualidade.


A Clínica

Somos uma clínica psiquiátrica com atendimento ambulatorial (consultas) e internações através da modalidade Hospital Dia.

O nosso objetivo é trazer, com excelência, o tratamento em Saúde Mental aos pacientes, apoiando seus familiares. Dessa forma, sendo um braço terapêutico na comunidade, trazendo melhor qualidade de vida e auxiliando os tratados numa reinserção social.

O atendimento visa pacientes com qualquer tipo de transtorno mental leve-moderado. Incluindo: alcoolismo ou dependência química; transtorno bipolar; depressão; ansiedade; quadros comportamentais após um AVC (derrame); doença de Alzheimer, e outras demências

Conheça mais

Áreas de Atuação

  • Hospital Dia e a ANS
  • Orientação Familiar
  • Psicoterapia Grupal
  • Consulta Psiquiátrica
  • Consulta Neurológica
  • Psicoterapia Individual

Inserido entre a internação integral e o acompanhamento ambulatorial, é um atendimento intensivo, onde o paciente frequenta o HD durante o período diurno e à noite permanece com sua família e amigos em sua própria residência.



O que ocorre com o dependente afeta toda a família e vice versa. Assim, o ponto crucial da terapia familiar é a identificação dos assuntos ou processos familiares que promovem ou facilitam o abuso de substância. Para isso, o terapeuta busca esclarecer e promover mudanças na dinâmica familiar, tais como: redefinição de papéis, identificação de regras implícitas e explícitas que influenciam o comportamento dos membros da família; definição e reforço dos limites entre os membros da família; etc.



Este tipo de tratamento tem objectivos e indicações semelhantes ao anterior mas tem um maior potencial terapêutico, nomeadamente no que diz respeito à adaptação na vida em sociedade. Trata-se de um processo terapêutico de sessões em grupo (até 8 elementos) de 90 minutos, com uma periodicidade semanal ou quinzenal.



Na consulta de Psiquiatria existe o propósito de estabelecer um diagnóstico clínico e elaborar o tratamento terapêutico. Podem ser sugeridas terapêuticas farmacológicas e/ou orientação para consultas de psicoterapia (efetuadas por psiquiatra ou psicólogo), ou consultas de psicologia com o intuito de serem realizados de testes neuropsicológicos que podem ajudar a confirmar uma hipótese diagnóstica.



Neurologia é a especialidade médica que trata dos distúrbios estruturais do sistema nervoso. Especificamente, ela lida com o diagnóstico e tratamento de todas as categorias de doenças que envolvem os sistemas nervoso central, periférico e autônomo, parassimpatico e Simpatico incluindo os seus revestimentos, vasos sanguíneos, e todos os tecidos efetores, como os músculos.[1] O correspondente cirúrgico da especialidade é a neurocirurgia.



O aconselhamento para as diversas modalidades psicoterapêuticas não contempla regras gerais rígidas. Para cada caso deve ser feita uma avaliação personalizada que pode implicar consulta com diferentes especialistas (psiquiatra, psicólogo, ou outro) que avalia aspectos da personalidade do paciente (funcionamento relacional, carácter, temperamento, limites do eu, tendência para passagem ao acto, capacidade de cumprir regras, etc.), disponibilidade (geográfica, horários, económica), motivação.




Blog Atto